Descrição de chapéu Governo Bolsonaro

Michelle Bolsonaro, futura primeira-dama, usa camiseta com frase de juíza a Lula

'Se começar nesse tom comigo, a gente vai ter problema', diz a estampa da peça

Sérgio Rangel
Rio de Janeiro

A futura primeira-dama Michelle Bolsonaro deixou na manhã desta quarta (26) a ilha de Marambaia. Ela passou o Natal com o presidente eleito, Jair Bolsonaro, que permanece na ilha.

Ao descer da lancha, Michelle vestia uma camisa com frase famosa da juíza Gabriela Hardt, durante interrogatório do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no mês passado.

Futura primeira-dama desembarca com camiseta com frase da juíza Gabriela Hardt, que interrogou Lula
Futura primeira-dama desembarca com camiseta com frase da juíza Gabriela Hardt, que interrogou Lula - Pedro Prado - 26.dez.2018/Folhapress

A camisa estampava a inscrição "se começar nesse tom comigo, a gente vai ter problema". 

Futura primeira-dama desembarca com camiseta com frase da juíza Gabriela Hardt, que interrogou Lula
Detalhe da camiseta - Pedro Prado - 26.dez.2018/Folhapress

A magistrada substitui Sérgio Moro, que decidiu integrar o governo de Bolsonaro como ministro da Justiça.

A declaração da juíza foi uma resposta ao ex-presidente logo no início da sessão, após o petista questionar se era ou não dono do sítio de Atibaia.

Bolsonaro só deverá deixar na quinta (27) a ilha, que é administrada pelas Forças Armadas.

O desembarque de Michelle no Iate Clube de Itacuruça, que fica em Mangaratiba,foi acompanhado por agentes da Polícia Federal. De lá, ela seguiu de carro para o Rio. 

Bolsonaro ainda não decidiu a data do embarque para Brasília, onde tomará posse como presidente na terça. 

 
Mais tarde, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) desembarcou no clube náutico em Itacuruça. Ele também passou o Natal na Ilha de Marambaia com o presidente eleito. 
 
Ao deixar a lancha da Marinha, o filho de Bolsonaro exibiu uma camisa com a frase: “Aqui de boas procurando onde o comunismo funcionou”.
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.