Spotify atinge 83 milhões de assinantes pagos

Pacote família foi dos fatores de crescimento

Nova York | AFP

A plataforma de streaming de música Spotify anunciou, nesta quinta-feira (26), ter atingido 83 milhões de assinantes pagos, apontando um crescimento constante.

Em comparação ao mesmo período de 2017, representou um aumento de 40%. Há três meses, eram 75 milhões de usuários pagos.

Ícone do Spotify ao lado de outros apps de música - AP

O Spotify atribuiu esse crescimento a um avanço nos mercados emergentes, em especial América Latina e Sudeste Asiático, e à popularidade do pacote família. Ainda assim, os planos individuais continuam a registrar melhor receita.

No final de junho, o aplicativo registrava uma base de 180 milhões de usuários ao mês, incluindo aqueles que usam o serviço gratuitamente.

Apesar do rápido crescimento do streaming ao redor do mundo, o Spotify ainda não registra lucro, já que prioriza a expansão da plataforma.

As perdas operacionais no trimestre chegaram a €90 milhões de euros, embora dois terços desse montante estejam relacionados aos custos para estrear na Bolsa de Nova York este ano, assim como a opções de ações de empresas mais caras do que o esperado.

Seu concorrente mais próximo é a Apple Music. Em maio passado, o CEO do gigante americano, Tim Cook, afirmou que o serviço contava com 50 milhões de assinantes pagos.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.