Padoca do Maní e Julice Boulangère engrossam time de boas padarias na cidade

Parte do cotidiano da cidade, as padarias são uma instituição paulistana. De um simples pingado com pão na chapa a doces portugueses e baguetes orgânicas, as fornadas agradam a todo tipo de cliente. Veja uma seleção.

Boulangerie Santo Pão
Apesar da pinta de padaria gourmet –e do caprichado cardápio com opções para almoço e jantar-, não faz feio quando a pedida é o clássico pão francês na chapa com pingado. Mais vigorosa, a opção com dois ovos fritos, bacon artesanal em tiras e torradas de baguete também vai bem.

R. Pe. João Manuel, 968, Cerqueira César, região oeste, tel. 2309-5594.

*

Julice Boulangère
A cozinha da padeira Julice Vaz expede uma infinidade de pães, como os saborosos figo seco com erva doce e gorgonzola com nozes. No cardápio, a seção Petit Dèj sugere combos de café da manhã, como o Rapide, com croissant na chapa com geleia artesanal e uma bebida quente à escolha.

R. Dep. Lacerda Franco, 536, Pinheiros, região oeste, tel. 3097-9162.

*

Le Pain Quotidien
Além dos famosos pães de fermentação natural –que podem ser levados para casa inteiros ou em quartos-, a rede de padarias belga trabalha com cardápio robusto, com opções para o dia todo. A cesta de café da manhã inclui pães, croissant, pain au chocolat, suco de laranja e uma bebida quente.

R. Wizard, 138, Vila Madalena, região oeste, tel. 3031-6977.

*

Miolo Padaria Artesanal
Aos pés da serra da Cantareira, numa casinha rústica, o padeiro Marcos Carnero oferece pães de fermentação natural, feitos com farinha orgânica. Sente-se no quintal e aprecie uma das opções para o café da manhã –destaque para a focaccia com ovos caipiras mexidos. Pingado ou café coado acompanham.

Av. Sen. José Ermírio de Moraes, 1.400, Tremembé, região norte, tel. 2203-2478.

*

Padaria da Esquina
É uma autêntica padaria portuguesa, com pães de fermentação longa feitos como na terrinha. Quem procura mais do que um pão na chapa pode apostar em sugestões como o Évora, com pães do dia, folhado do Porto, ovo mexido, presunto royale, mortadela com pistache, queijo meia cura, manteiga, fruta do dia, mel, compota e pastel de nata.

Al. Campinas, 1.630, Jardim Paulista, região oeste, tel. 2387-0149.

*

Padoca do Maní
Numa casinha de decoração rústica, oferece pães de fermentação natural preparados pela padeira Papoula Ribeiro. Quem consegue uma mesa na varanda pode desfrutar do "café padoca", com suco de laranja, expresso ou pingado, ovos mexidos com queijo, salada de frutas com iogurte e granola, cesta de pães, geleia, manteiga e requeijão.

R. Joaquim Antunes, 138, Pinheiros, região oeste, tel. 2579-2410.

*

PÃO
O cardápio da Padaria Artesanal Orgânica sugere a tartine grelhada com geleia e manteiga entre as opções de café da manhã (servidas ao longo do dia). Se a fome for maior, peça o sanduíche de mozarela de búfala, tomate assado e manjericão e suco de uva branca para acompanhar.

R. Mourato Coelho, 1.039, Pinheiros, região oeste, tel. 3791-5532.

*

ABERTAS ATÉ ALTAS HORAS:

A Lareira

Av. Sumaré, 488, Perdizes, tel. 2892-0073.

Bella Paulista

R. Haddock Lobo, 354, Cerqueira César, tel. 3214-3347.

Dona Deôla

Av. Pompéia, 1.937, Vila Pompéia, tel. 3672-6600.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Últimas

  1. 30/06/2017
    1. Presidente do Instituto Lula diz que não sabia que Odebrecht compraria terreno

      O presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, afirmou nesta sexta (30), em depoimento à Justiça, que visitou o terreno comprado pela Odebrecht na busca de uma nova sede para a entidade, mas disse que nunca soube que a empresa pagaria pelo imóvel.

  2. 08/04/2017
    1. Confira 11 endereços em São Paulo onde provar culinárias de diferentes países

    2. Prefeito João Doria, Tom Zé e mais 20 personalidades indicam seus lugares favoritos em SP

      O Descubra sãopaulo convidou 22 personalidades paulistanas a indicar seus lugares preferidos na cidade. Confira as sugestões:

    3. Rock e rap se misturam a roupas e cabelos black e fazem da Galeria do Rock a 'meca' da diversidade

      No entra e sai de uma galera majoritariamente jovem e com estilo, uma lojinha no segundo andar guarda, entre tantas preciosidades, um disco raro: o primeiro LP do baiano Tom Zé, "Grande Liquidação", gravado em 1968.

    4. Festas itinerantes como a Selvagem e a Venga, Venga! ajudam a descobrir a noite paulistana

      Festas itinerantes, realizadas em galpões e espaços abandonados da cidade, propõem uma experiência diferente e mais intensa do que aquelas típicas de clubes e ganham cada vez mais força na noite paulistana. Conheça algumas delas.

    5. 25 de Março: saiba o que encontrar no centro de compras mais movimentado de SP

      Parece uma grande bagunça, mas a região da 25 de março tem lá a sua organização. Siga o nosso guia de ruas e não se perca

    6. Hotéis cinco estrelas e hostels em São Paulo: hospedagens para todos os bolsos

      Hotel é lugar para cair no sono? Só se for, é claro, depois daquela massagem caprichada. Dê uma espiada nas terapias de spas de oito cinco estrelas.

    7. Câmara Fria, Brewdog Bar e outras novas cervejarias em SP têm boa oferta de chopes

      Pelo menos cinco grandes cervejarias instalaram seus bares na cidade, fermentando o cenário etílico da capital —se na garrafa ela já é boa, imagine a cerveja fresca.

    8. Bacio Di Latte, Diletto e mais sorveterias em SP para se deliciar em qualquer estação

      No palito, com receita italiana ou ingredientes brasileiros, sorveterias atraem público do outono ao verão.

    9. Roteiro em 48h mostra como curtir o que São Paulo tem de melhor

      Clássico é clássico. Quando se tem apenas 48h para descobrir (ou redescobrir) São Paulo é preciso montar um roteiro inteligente, com atrações imperdíveis, que são a cara da cidade.

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. 4
  5. 5
Publicidade