Descrição de chapéu

Faça churrasco no apartamento com pouca fumaça e muito sabor

Até quem não tem varanda gourmet pode preparar um churrasco no fim de semana

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Larissa Morales

Chef assadora

Não é todo mundo que mora em apartamento que tem o privilégio de ter uma churrasqueira, seja por falta de espaço, por morar em imóveis pequenos ou mais antigos, ou, ainda, por ter que acatar regras rígidas de condomínio. A boa notícia é que, qualquer que seja o motivo, é possível, sim, fazer um bom churrasco dentro de casa.

Existem múltiplas soluções para estes casos, a começar pela churrasqueira elétrica. São vários modelos desses equipamentos no mercado, e o que você deve prestar atenção na hora de escolher são a potência e o tamanho que lhe agrada.

Uma dica é optar por churrasqueiras elétricas mais potentes, que têm um resultado melhor nos quesitos carne dourada e suculência. Com uma temperatura mais alta, você consegue um resultado mais semelhante ao da churrasqueira convencional.

.
Carne preparada em frigideira de ferro, em churrasco dentro de apartamento - Larissa Morales

Ao trabalhar com este modelo, é importante deixá-la bem aquecida antes de colocar as carnes e vegetais. Para tanto, pré-aqueça a churrasqueira uns 15 minutos antes de utilizá-la. As proteínas devem estar em temperatura ambiente e o ideal é cortar a carne em bifes de dois dedos de espessura. Não dá certo fazer peças grandes de carne nas churrasqueiras elétricas.

Outra solução é a fritadeira sem óleo, a famosa airfryer, que funciona como um mini forno de convecção. Nesse tipo de eletrodoméstico, o ar quente circula de forma uniforme, então, qualquer alimento colocado na grelha vai receber o calor de forma igual em todos os seus lados.

Já preparei picanha, contrafilé, coxinha da asa, linguiça, e o bom é que tudo fica pronto em minutos, sem fumaça ou sujeira.

Tem gente que coloca um carvão aceso dentro do cesto para trazer sabor de churrasco, mas eu não aconselho, pois pode causar acidentes. Pra conseguir este gostinho, use lascas de lenha frutífera, coloque por 10 minutos antes na potência máxima, e depois leve sua carne para assar. Em dez minutos já dá pra servir uma carne mal-passada!

Frigideiras de ferro são super bem-vindas, pois conseguem manter o calor por mais tempo. Então, na hora de virar a carne, a superfície de contato vai estar bem quente, criando uma crostinha saborosa de ambos os lados.

Isso sem contar que é um utensílio que vai durar a vida inteira. Vale a pena o investimento. Inclusive, pode passar de geração para geração —já herdei algumas da minha vó! Mas, já vou logo avisando: faz muita fumaça e, quanto mais gordura a carne tiver, mais fumaça vai subir. Portanto, invista em um bom exaustor na sua cozinha.

Tá, mas e o gosto de churrasco se eu escolhi a frigideira?

Neste caso, existem fumaça em pó, fumaça líquida, sal defumado e —o meu preferido— o azeite defumado!

O azeite defumado é um coringa na cozinha, dura uns seis meses facilmente, e é muito fácil de fazer.

.
Azeite defumado, com receita da churrasqueira Larissa Morales - Larissa Morales

O primeiro passo é ativar o carvão. Pegue um pedaço pequeno de carvão e leve para a boca do fogão até ele ficar bem vermelhinho, no ponto de brasa. Depois, coloque em um pote de vidro esterilizado. Sabe aqueles de palmito? Então, guarde que ele sempre tem utilidade.

Coloque azeite até a metade do pote e, se quiser, pode aromatizar acrescentando ervas frescas, como tomilho e alecrim. Daí, é só colocar a brasa dentro do pote e fechar com a tampa. A fumaça que se cria dentro do pote vai aromatizando o azeite, e, assim que acabar a fumaça, já pode usar!

Além de usar nas carnes ou legumes antes de levar para a grelha, ou para marinar, dá pra usar também como tempero de saladas, rosbifes e lanches. E Pode armazenar fora da geladeira e até presentear a galera!

Viu só? Agora não tem desculpa para não fazer churrasco, seja por preguiça de acender a churrasqueira, ou se não tiver outra opção.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.