Saltar para o conteúdo principal
 
25/10/2011 - 13h00

Networking é tão importante quanto marketing, diz autor

da Livraria da Folha

Divulgação
É preciso ter as atitudes e as posturas que o façam realmente vencer
É preciso ter as atitudes que o façam realmente vencer no mercado

O executivo Renato Grinberg compartilha sua bem sucedida experiência profissional no livro "A Estratégia do Olho de Tigre" . Na obra, o autor busca ensinar e incentivar o jovem empresário a apostar nos seus pontos fortes para se destacar na carreira.

Em entrevista à Livraria da Folha, ele comenta um pouco sobre os principais temas de sua obra , e deixa a entender que, com as estratégias corretas, o sucesso é consequência de sua determinação e trabalho.

No entanto, sem exagerar na dose. Como destacou na conversa, o networking é essencial para sua carreira nos dias de hoje, mas desde que com limites para não passar a impressão errada de bajulador.

Como ensina, "uma dica importante é jamais pedir algo no primeiro encontro a não ser informações".

Confira:

*

Livraria da Folha - O conjunto de qualidades que fazem um profissional se destacar, as que compõem ao que chama de estratégia do olho de tigre, podem ser conquistadas por qualquer um? O profissional tem que ter garra?

Renato Grinberg - Qualquer pessoa pode conquistar essas características. Porém, antes de mais nada você precisa decidir se realmente quer ser um vencedor e parar com o que eu chamo de "desculpas confortáveis". Ou seja, não espere que as conquistas caiam do céu, você terá que ter garra para ir a luta e com as estratégias corretas terá mais chances de atingir o sucesso.

Você também destaca a importância do networking. Há alguma fórmula correta, ou cada um faz o seu caminho, desde que se relacione e crie uma interessante rede de contatos?

Networking é uma disciplina tão importante quanto marketing ou finanças. No livro eu apresento um método detalhado de como desenvolver uma estratégia eficaz para maximizar o networking. Por exemplo, uma dica importante é jamais pedir algo no primeiro encontro a não ser informações.

Como saber o limite entre ser prestativo, puxa-saco e intrometido? Ao mesmo tempo, a iniciativa de mostrar serviço não pode incomodar os colegas?

O limite é estabelecido pelo valor que o seu comentário ou atitude agrega a determinada situação. Ser "puxa-saco" ou intrometido é tentar "mostrar serviço" sem agregar valor. Realmente alguns colegas podem se sentir incomodados com essas atitudes, mas é impossível agradar a todos e portanto se você realmente está agregando valor não deve se preocupar com o que os seus colegas podem pensar.

No livro, você destaca a importância do autoconhecimento, para assim saber os pontos fortes e fracos de cada um. Com isso, é possível se reorganizar para o sucesso?

Sem conhecer claramente suas habilidades e limitações não é possível se realizar nada no mundo corporativo e dos negócios. Esse é o primeiro passo para se adquirir o "Olho de Tigre", pois é a partir do autoconhecimento que você poderá desenhar todas as estratégias para atingir o sucesso.

Querer é poder?

Querer é poder quando você tem um propósito claro do que você quer atingir. Sem um propósito claro, querer é apenas querer...

*

Destaque-se nos negócios e ganhe muito dinheiro

Divulgação
Livro propõe mudanças de comportamento para atingir bonança financeira
Obra propõe mudança de atitude para conquistar saúde monetária
Reprodução
Especialista promete independência financeira em 21 segredos
Autor propõe saúde financeira e enriquecimento em 21 segredos
Reprodução
Conhecimentos podem ser usados por qualquer investidor leigo
Conhecimentos podem ser usados por qualquer investidor leigo

Leia mais

 
Voltar ao topo da página