Saltar para o conteúdo principal
 
04/01/2016 - 17h17

Conheça o livro 'As Relações Perigosas', que inspirou série da Globo

da Livraria da Folha

Durante alguns meses, um grupo de nobres franceses troca cartas secretamente. No centro da intriga está o libertino visconde de Valmont, que tenta conquistar a presidenta de Tourvel, e a dissimulada marquesa de Merteuil, suposta confidente da jovem Cécile, a quem ela tenta convencer a se entregar a outro homem antes de se casar.

Divulgação
Assinado por Choderlos de Laclos, livro somou 20 edições esgotadas apenas no primeiro ano de sua publicação
Assinado por Choderlos de Laclos, livro somou 20 edições esgotadas apenas no primeiro ano de sua publicação

Escrito por Choderlos de Laclos (1741- 1803), o livro "As Relações Perigosas" somou 20 edições esgotadas apenas no primeiro ano de sua publicação, em 1782.

Após inspirar diversas adaptações hollywoodianas, a trama de Laclos chega à TV pelas mãos da Globo. A série em dez capítulos - gravada em ultra-alta definição - marca o retorno do ator Selton Mello à TV aberta e conta uma história de amor e vingança ambientada na década de 1920.

Com Jesuíta Barbosa, Renato Góes, Alice Wegmann, Patrícia Pillar, Aracy Balabanian, Lavinia Pannunzio, Leopoldo Pacheco e Marjorie Estiano no elenco, a produção acompanha a história de Cecília, uma jovem de 17 anos que vivia num convento e é surpreendida com o pedido de casamento de Heitor, até então amante da prima Isabel. O noivado provoca a fúria de Isabel, que decide iniciar um jogo de vingança com o apoio de Augusto de Valmont.

Polêmico, o livro "As Relações Perigosas" ficou ainda mais popular após ser adaptado para o cinema. Entre as versões mais conhecidas estão o filme homônimo de 1988, com Glenn Close, John Malkovich e Michelle Pfeiffer, e "Ligações Amorosas", de 1959, estrelado por Jeanne Moreau e Gérard Philipe.

Outros filmes que beberam da fonte de Laclos são "Segundas Intenções", filme adolescente de 1999 com Ryan Phillippe, Sarah Michelle Gellar e Reese Whitherspoon, e "Valmont - Uma História de Seduções", de 1989, que traz Colin Firth e Annette Bening no elenco.

Abaixo, leia um trecho do livro.

*

CARTA 1
DE CÉCILE VOLANGES A SOPHIE CARNAY NO CONVENTO DAS URSULINAS DE...

Como vê, minha boa amiga, cumpro com minha palavra, e fitas e toucados não ocupam todo o meu tempo; sempre há de sobrar-me algum para você. No entanto, só no dia de hoje vi mais adereços do que vi nos quatro anos que passamos juntas; e acho que a soberba Tanville sentirá, em minha primeira visita, quando pretendo chamá-la, mais mágoa do que pensava causar-nos nas vezes em que vinha visitar-nos en grande toilette. Minha mãe consultou-me sobre tudo; tem me tratado muito menos como uma pensionista. Tenho agora uma camareira só para mim; disponho de um quarto e de uma saleta, e lhe escrevo num lindo secretário, de que me deram a chave e no qual posso trancar tudo que quiser. Disse minha mãe que eu iria vê-la todo dia a seu despertar; que, para o almoço, bastava-me estar penteada, já que sempre estaríamos a sós, e que então ela me diria, a cada dia, a que horas deveria ir ter com ela durante a tarde. O restante do tempo está a meu dispor, e tenho minha harpa, meu desenho, e livros, como no convento; com a diferença de que madre Perpétua não está aqui para ralhar comigo e que, caso quisesse, poderia ficar sempre à toa: mas como não tenho minha Sophie para rir e conversar, prefiro me ocupar.

Ainda não são cinco horas; só devo encontrar-me com minha mãe às sete: tempo bastante, se tivesse algo para lhe contar! Mas ainda não me disseram nada; não fossem os preparativos que vejo a meu redor, e a quantidade de costureiras que vêm aqui por mim, não acreditaria que estão pretendendo casar-me, e que este é apenas mais um disparate da boa Joséphine. Contudo, minha mãe tantas vezes me disse que uma donzela devia ficar no convento até casar que, se está me tirando dele, Joséphine deve ter razão.

Uma carruagem acaba de parar à porta, e minha mãe mandou chamar-me em seus aposentos sem demora. E se for este senhor? Não estou arrumada, minha mão treme e meu coração bate forte. Perguntei à camareira se sabia quem estava com minha mãe: "Acho que é mesmo o senhor C.", disse ela. E ria. Ah! Acho que é ele. Seguramente volto depois para lhe contar o que acontecer. Por enquanto, já tem o nome dele. Não devo fazer-me esperar. Adeus, até daqui a pouco.

Como vai zombar da pobre Cécile! Ah! Fiquei tão envergonhada! Mas você, como eu, teria se deixado enganar. Ao entrar nos aposentos de minha mãe, avistei um senhor vestido de preto, em pé ao lado dela. Cumprimentei da melhor forma que pude, e fiquei ali, sem conseguir me mexer. Pode imaginar o quanto eu o examinava! "Senhora", disse ele a minha mãe, ao cumprimentar-me, "é uma jovem encantadora, e percebo mais que nunca o valor de sua gentileza." A essas palavras tão positivas, fui tomada por uma tremedeira tal que não conseguia manter-me em pé; achei uma poltrona, sentei-me, muito vermelha e desconcertada. Mal me tinha sentado, e o homem já estava a meus pés. Sua pobre Cécile então perdeu a cabeça; estava assombrada, como disse minha mãe. Levantei-me soltando um grito lancinante; como naquele dia do trovão, lembra? Minha mãe deu uma risada, dizendo: "Ora, o que houve? Sente-se e dê seu pé a este senhor". Com efeito, minha amiga, o tal senhor era um sapateiro. Não sei lhe dizer a vergonha que senti: felizmente, só estava ali minha mãe. Acho que, depois de casada, não irei mais recorrer a esse sapateiro.

Você há de convir que, com isso, estamos muito bem informadas! Adeus. São quase seis horas e minha camareira diz que devo me arrumar. Adeus, minha cara Sophie; ainda gosto de você como quando estava no convento.

P.S. - Não sei por quem enviar esta carta, de modo que vou esperar que Joséphine apareça.

Paris, neste 3 de agosto de 17

*

AS RELAÇÕES PERIGOSAS
AUTOR Choderlos de Laclos
TRADUTOR Dorothée de Bruchard
EDITORA Penguin-Companhia
QUANTO R$ 21,90 (preço promocional *)
E-BOOK R$ 16,50 *

* Atenção: Preço válido por tempo limitado ou enquanto durarem os estoques.

-

 
Voltar ao topo da página