Saltar para o conteúdo principal
 
22/01/2014 - 20h36

Leitora recomenda 'Memórias de Minhas Putas Tristes', de García Márquez

da Livraria da Folha

Divulgação
Livro desfia as lembranças de vida de um inesquecível e solitário personagem
Volume desfia as lembranças de vida de um solitário personagem

Lia Araújo recomendou a leitura de "Memória de Minhas Putas Tristes", de García Márquez.

"Quando nos dias atuais, a ingenuidade perde e a violência ganha, mostrar que a inocência que dorme pode triunfar sobre a malícia insone é revigorante", contou a leitora à Livraria da Folha.

Em "Memória de Minhas Putas Tristes", a primeira obra de ficção do autor, um intrigante solitário personagem relembra suas aventuras sexuais, peregrinando de bordel em bordel até viver uma história de amor.

Nascido em Aracataca, na Colômbia, em 6 de março de 1928, o jornalista e escritor Gabriel José García Márquez recebeu do Prêmio Nobel de Literatura em 1982.

Sua obra-prima, "Cem Anos de Solidão", é reconhecida internacionalmente como um dos mais engenhosos textos escritos em língua espanhola. Monte sua estante com obras de Gabriel García Márquez.

Quem quiser compartilhar um bom título com outras pessoas -livros, games, filmes e séries-, basta enviar a sugestão para o e-mail redacao.livraria@grupofolha.com.br com o assunto "Leitor Recomenda". A dica deve trazer o título em português, nome do autor e os motivos pelos quais a obra é relevante para você. Participe!

 
Voltar ao topo da página