Saltar para o conteúdo principal
 
28/03/2012 - 13h00

Veja obras de Millôr Fernandes

da Livraria da Folha

Um dos principais jornalistas, dramaturgos, escritores e cartunistas brasileiros, Millôr Fernandes morreu na noite da última terça-feira (28). A produção do artista foi marcada pela irreverência e inteligência e ganhou forma como prosa, poesia, teatro, cartum, frase e aforismo, todos carregados de sabedoria e acidez.

Monte sua estante com obras de Millôr
Siga a Livraria da Folha no Twitter
Visite nossa página no Facebook
Leia trecho da 'bíblia do caos', de Millôr Fernandes

Entre os trabalhos mais famosos do autor está a criação do jornal "O Pif-Paf", conhecido como uma das primeiras publicações alternativas do país.

Anos mais tarde, o artista daria um novo passo dentro da imprensa alternativa com a criação de "O Pasquim", tabloide humorístico de contestação à ditadura. Nele participou com quadrinhos e artigos.

Ricardo Moraes/Folhapress
O escritor Millôr Fernandes, que morreu em sua casa no Rio
O multifacetado escritor Millôr Fernandes, que morreu nesta terça-feira (28), em sua casa no Rio de Janeiro

Em sua extensa produção literária, uma das obras mais significativas é "Millôr Definitivo: A Bíblia do Caos". O volume traz 5.142 das frases elaboradas pelo autor.

Na dramaturgia, Millôr chamou atenção com a peça "Liberdade, Liberdade", proibida pela ditadura logo após as primeiras encenações. O texto, de 1965, reflete sobre a ideia de liberdade através dos tempos. Ainda no teatro, o autor criaria "Kaos", sobre o que o ser humano fez com o mundo depois de instalado o Big Bang, e "Flávia, Cabeça, Tronco e Membros", uma reflexão sobre o poder.

O lado poeta do escritor está registrado na obra "Poemas". O livro reúne 167 de seus conjuntos de versos nos mais variados temas. Na literatura infantil, o artista deu as caras com "Abecedário do Millôr para Crianças", na qual usa seu talento para escrever sobre as letras do alfabeto.

Millôr também se destacou pelas traduções exemplares. O autor preferido pelo brasileiro foi Shakespeare. Entre as obras do bardo inglês vertidas por ele para o português estão "Hamlet", "A Megera Domada", "As Alegres Matronas de Windsor" e "O Rei Lear".

 
Voltar ao topo da página