Saltar para o conteúdo principal
 
17/11/2011 - 20h00

Novo game e animação de Batman ajudam a conter ansiedade dos fãs

da Livraria da Folha

Reprodução
Batman encontra vilões clássicos como Coringa, Charada, Mr. Freeze, Solomon Grundy e Duas Caras
Batman encontra vilões clássicos como Coringa, Charada e Solomon Grundy

Batman nunca esteve tanto em evidência. Duas aventuras do Homem-Morcego acabam de chegar às lojas e devem servir para aplacar a ansiedade dos fãs que aguardam a estreia do filme "Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge".

Siga a Livraria da Folha no Twitter
Conheça nossa página no Facebook
Monte sua estante com histórias do Batman
Visite a página dedicada ao mundo dos quadrinhos
Confira os games do Homem-Morcego

No mundo dos games o destaque fica por conta de "Batman: Arkham City", continuação do jogo "Batman: Arkham Asylum", lançado em 2009. Na nova trama, o novo prefeito de Gotham, Quincy Sharp, ex-diretor do asilo Arkham murou bairros inteiros da cidade, transformando o lugar em uma mega-prisão.

O resultado disso é a ampliação da área onde ocorre a ação do game --um espaço quatro vezes maior que a versão anterior. Entre as novidades desta edição está a participação de inimigos pouco conhecidos de Batman como Hugo Strange, além de encontros com vilões já clássicos, como Coringa, Charada, Mr. Freeze, Solomon Grundy e Duas Caras. Isso tudo sem mencionar a possibilidade de controlar a Mulher-Gato em missões paralelas do game.

A Mulher-Gato também é destaque na versão em DVD e Blu-ray de "Batman: Ano Um", inspirada na HQ de Frank Miller. Lançado recentemente pela Warner, a animação, que retrata os primeiros momentos de Bruce Wayne sob o manto do morcego, traz um curta-metragem especial protagonizado pela sagaz oponente do herói.

Divulgação
Na nova trama o novo prefeito de Gotham, Quincy Sharp, ex-diretor do asilo Arkham murou bairros inteiros da cidade, transformando o hospício em uma mega-prisão
Na nova trama, o ex-diretor do Arkham murou bairros inteiros da cidade, transformando em uma mega-prisão
 
Voltar ao topo da página