Publicidade

Últimas

  1. A personagem da série Billions Wendy Rhodes (Maggie Siff), que atua como coach"Reprodução

    Coaching é crime? Entenda o que está por trás desse debate

    Já existe coach para quase tudo: carreira, relacionamento, sexo, finanças, emagrecimento e até bebês. Com alta oferta de profissionais e nenhuma regulamentação no setor, fica difícil separar quem é sério de quem não é.

  2. SAO PAULO, SP, BRASIL, 28.01.18 1h O que vai bombar no Carnaval 2018 nas ruas. Denny Azevedo, 34, e Ricardo Don, 31, artistas, no Academicos do Baixo Augusta. (Foto: Marcus Leoni / Folhapress, COTIDIANO)

    Qual é a melhor forma de dizer quais são seus pontos fracos na entrevista de emprego

    "Qual é seu maior defeito?" Essa é uma pergunta que muitos temem escutar durante uma entrevista de emprego.

  3. O gerente de TI Vilko Lacerda na biblioteca da PUC, onde estuda empreendedorismo e gestão

    Cursos ajudam empreendedor aspirante a tirar projeto do papel

    O gerente de TI Vilko Lacerda, 38, trabalha há sete anos em uma multinacional do setor financeiro. Mas seu sonho é ter um negócio próprio. Embora ainda não saiba exatamente quando vai concretizar o desejo nem em que ramo investir (está entre uma barbearia e uma loja virtual), ele decidiu estudar para se preparar para a transição.

  4. Veja a trajetória de seis empreendedores

    Estude o mercado antes de mudar de carreira

    As áreas de vendas e redução de custos são as que mais contratam no atual cenário econômico, diz André Ferragut, gerente da consultoria Hays, que pesquisou o tema entre 400 empresas e 2.600 pessoas no final de 2018.

  5. Empresário trabalha de diferentes lugares do mundo

    Diretor de marketing deixa escritório e vira nômade digital

    "Qual é o seu propósito de vida?" Essa pergunta desestabilizou Ian Borges, 32, há quatro anos, em um treinamento na L'Oréal, onde trabalhava como diretor de comunicação e marketing digital.

  6. Empreender precisa ser muito mais que um sonho

    Ser empreendedor é um sonho que passa na cabeça de grande parte dos brasileiros. Para muita gente, serdono do próprio negócio é sinônimo de sucesso, permite ganhos mais altos, dá mais independência e autonomia para fazer as coisas do seu jeito.

  7. Veja a trajetória de seis empreendedores de sucesso

    Como fazer um negócio de corpo e alma

    Na língua oficial de Bali, "jiwa" significa alma. "É um nome fácil e importante", diz a publicitária Caroline Santis, sócia do Jiwa, Body Mind and Soul. O espaço, dedicado a aulas como ioga e pilates, foi idealizado por ela e pelo marido, Pedro Santos, depois de uma crise com a carreira.

  8. Veja a trajetória de seis empreendedores de sucesso

    Geógrafa transforma filosofia de desperdício zero em negócio

    Mais do que ter um negócio próprio, a intenção da geógrafa Lívia Humaire, 35, ao abrir a Mapeei - Uma Vida sem Plástico, em setembro de 2018, em São Paulo, era ajudar as pessoas a diminuir a produção de lixo doméstico.

  9. Veja a trajetória de seis empreendedores de sucesso

    Insatisfação com a política leva executivo para o terceiro setor

    O paulistano Mario Mello Freire Neto, 53, diz que sempre foi uma pessoa inquieta e disposta a enfrentar desafios. Engenheiro civil formado pela Universidade de São Paulo, ainda na juventude migrou para o mercado financeiro.

  10. O neurocientista Gabriel Camargo de Carvalho, 27

    Fenômeno das carreiras múltiplas cresce na era digital

    Na era da indústria 4.0, em que as tecnologias permitem a integração dos mundos físico e digital e os empregos formais diminuem, aumenta o espaço para a atuação em múltiplas frentes. Profissionais com competências diversificadas podem trabalhar em diferentes projetos.

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. 4
  5. 5
Publicidade
Publicidade